ISO 9001 2015: Sua empresa já fez a transição para as novas normas?

iso-9001-2015

Você com certeza já ouviu falar sobre a ISO 9001 2015 e pode ser até mesmo que já saiba que o prazo para se enquadrar a ela está acabando. Mas, de que trata essa ISO e o que é necessário considerar na transição para as novas normas?

Pergunta que grande parte não sabe como responder, se você está com dúvida sobre a regulamentação desta norma que entra em vigor em setembro de 2018 após ter sido aprovada três anos antes, em setembro de 2015, esse conteúdo lhe será muito útil!

Acompanhe nesse post tudo o que você precisa e sempre quis saber sobre a ISO 9001 2015:

Primeiramente, o que é ISO na prática?

Antes de falar sobre as mudanças trazidas pela ISO 9001 2015 é necessário entender sobre o que trata essa norma que, apesar de ter milhares de certificações espalhadas pelo mundo todo, nem sempre é entendida e vivida no cotidiano das empresas.

O sentido da existência dessa norma é garantir uma melhor experiência e satisfação do cliente.

Entretanto, infelizmente a maioria das empresas acaba guardando seu certificado na gaveta e deixando completamente de lado a prática do que é uma ISSO, algo que deve ser melhorado a partir das novas regras e normas trazidas pelo modelo 9001 2015, tema deste post.

ISO 9001 2015: O que muda?

Para conhecer a complexidade da mudança e das regras da ISO 9001 2015 é necessário ler e reler várias vezes o documento completo. A transição não é tão simples quanto alguns podem estar pensando e o prazo para se enquadrar está cada vez mais próximo.

Estima-se que seja necessário ao menos 6 meses para mudar tudo o que a nova norma exige e, uma vez que o prazo se encerra em setembro de 2018, se a sua empresa ainda não está nos trâmites dessas alterações fique sabendo que o procedimento já está bem atrasado e que é necessário correr atrás do prejuízo.

“E por que ISO?”, você pode estar se perguntando. A sigla ISO vem do seguinte termo inglês “International Organization for Standardization”, ou como em sua tradução Organização Internacional de Normalização.

Vale lembrar que a primeira versão da ISO 9001 foi publicada em 1987 visando a garantia da qualidade nas empresas. Depois disso a norma sofreu pequenas alterações em 1994. Mais tarde, em 2000, a abordagem trazia conceitos de processos, ênfase no cliente e melhoria contínua. Já em 2005 a última versão atualizada, alterava poucas coisas desse texto.

Agora é a vez da ISO 9001 2015 assumir a vez e sua evolução traz novos conceitos de integração. Veja a seguir o que muda na norma e entenda na prática qual é a sua importância:

Estrutura normativa

A primeira grande diferença entre as normas 2008 e 2015 é a formatação utilizada no texto visto que a ISO 9001 segue o Anexo SL. Veja a diferença:

ISO 9001 2008

Introdução

Escopo

Referência normativa

Definições e Termos

Sistemas de Gestão da Qualidade

Responsabilidade da Direção

Gestão de Recursos

Realização do Produto

Medição, análise e melhoria

 

ISO 9001 2015

Introdução

Escopo

Referência normativa

Definições e Termos

Contexto da Organização

Liderança

Planejamento

Suporte

Operação

Avaliação do Desempenho

Melhoria

Contexto da organização

O novo texto visa dar visibilidade a compreensão da organização, de suas necessidades, expectativas e contexto determinando o escopo para um sistema de gestão pautado na qualidade e que ao mesmo tempo otimize seus processos.

Liderança

Na ISO 9001 2015 a liderança deve ser abordada como um mecanismo de comprometimento, que exige uma política de qualidade cujos papéis organizacionais sejam bem claros e definidos no que diz respeito a responsabilidade e autoridade.

Planejamento

Quais as melhores formas de aproveitar as oportunidades e enfrentar os riscos? O planejamento das mudanças e o estabelecimento de objetivos para a qualidade e como alcançá-los faz parte da nova estrutura da norma.

Suporte

Em suporte existe uma subdivisão que precisa ser mencionada. Aqui trabalha-se com suporte de recursos, de competência, de consciência, de comunicação e de informação documentada. Cada uma dessas áreas requer cuidados e atenção especial.

Operação

A ISO 9001 2015 estabelece o planejamento e o total controle operacional através da determinação de requisitos em produtos e serviços, valendo lembrar que a comunicação com o cliente deve ser prezada assim como revisões que garantam sua satisfação. Esse tópico ainda trata do controle de saída dos produtos e serviços e de sua importância nesse contexto.

Avaliação do desempenho

Monitorar sempre foi a melhor forma de avaliar o desempenho no ambiente corporativo e a ISO 9001 2015 reafirma essa importância mais uma vez. Para concluir com eficiência, entretanto, faz-se necessário medir a satisfação do cliente e também realizar auditorias internas e análises com olhar mais crítico e criterioso.

Melhoria

O último tópico acrescentado trata mais especificamente da melhoria contínua pela qual a empresa deve passar. Ações corretivas devem ser postas em prática sempre que necessário a fim de garantir esse aprimoramento constante.

Benefícios para a empresa

Antes de dar dicas sobre como fazer uma transição eficiente para a nova ISO 9001 é válido destacar quais são os principais benefícios para a empresa, ou seja, o que o seu negócio ganha por se adaptar a ponto de obter essa certificação.

Pois bem, a primeira grande vantagem é que você tem melhorias internas na organização, além disso é possível perceber uma mais sensibilidade para notar e por em prática os conceitos de qualidade através de muita responsabilidade e competência.

No geral, os próprios colaboradores se mostram mais motivados por trabalhar junto com este tipo de norma e isso torna a gestão muito mais eficiente com melhorias tanto na produtividade quanto na qualidade do atendimento e do produto.

Se o seu empreendimento é uma indústria, a taxa de defeitos e até mesmo de reclamações tende a cair muito frisando a importância de trabalhar sempre com esta certificação.

Com tudo isso, não é de se estranhar que a ISO 9001 ajude a melhorar a percepção da marca e da empresa no ambiente externo, tanto no mercado quanto com o seu público. A satisfação é visivelmente melhorada e posição competitiva do negócio torna-se mais atraente.

Dicas para fazer uma transição eficiente para a nova ISO

Por fim, vale a pena conferir 5 dicas simples e práticas para ficar de olhos bem abertos na hora de fazer a transição para a ISO 9001 2015. Veja por onde começar e acompanhar:

1.   Entenda as novas normas

É claro que a primeira dica é sobre a necessidade de entender o que a ISO 9001 2015 diz, o que ela exige e principalmente o que ela quer, é claro. As metas e objetivos principais da norma devem estar claros para que todos sigam por um mesmo caminho levando mais qualidade e satisfação para o mercado como um todo.

2.   Identifique lacunas que não atendem as novas exigências

Depois de saber o que a nova regra exige é chegado o momento de verificar a existência ou não de lacunas. Essas lacunas nada mais são do que pequenos ou grandes desajustes, que precisam ser trabalhados durante o período de transição. Fique atento a cada mínimo detalhe e sempre que possível tenha um auxílio profissional para que nada passe batido.

3.   Atualize seu sistema de gestão

Dificilmente o software de gestão da empresa ficará imune à remodelação para uma nova norma, por isso não se assuste se for necessário fazer um novo programa. A atualização do seu sistema garante a oportunidade de ter novas ferramentas e recursos que virão a somar no negócio e está prevista nas generalidades da norma como uma “decisão estratégica”.

4.   Faça treinamentos

Se você tem dúvidas sobre as mudanças da ISO 9001 2015 imagine seus funcionários? É justamente por este motivo que é indispensável trabalhar com uma rotina de treinamentos até que todos se acostumem com os novos formatos de trabalho e processos.

5.   Verifique e valide o sistema de gestão de qualidade

Se você tem uma empresa profissional lhe ajudando a transitar entre as duas normas já mencionadas nesse post, mantenha o contato com ela e se certifique de que suas mudanças foram devidamente validadas. E se está cuidando de tudo sozinho tenha a mesma atenção, entretanto, de forma redobrada.

Lembrando que é hora de correr para ter a certificação dentro do prazo que está acabando!

Tirou todas as suas dúvidas sobre a ISO 9001 2015 e já sabe o que a sua empresa tem que fazer para estar completamente dentro das novas normas até setembro? Então aproveite para compartilhar este conteúdo nas suas redes sociais e ajude com que seus amigos também absorvam tais informações, a fim de modernizarem seus respectivos negócios!

Share:

Deixe uma resposta